#Ready, Set, Go…

AUTOR: @dani__gregorio

EMAIL: danielastg_8@hotmail.com 

 

NOTA @missFIT.insta:

[Veterana da #missFITteam

A Daniela dispensa apresentações!

É uma veterana da #missFITteam , que já partilhou várias histórias no Blog!

Com uma evolução notável, a cada história que partilha mostra-nos as suas conquistas…

E é tão bom acompanhar esta “guerreira” que em tão pouco tempo  passou de sedentária a atleta de pódio!

 

Parabéns por tudo, minha querida!

Mais uma vez, é com todo gosto que digo:

Força Daniela, o Blog é teu! 😉 ]

 

Quebrar barreiras…

Correr? NEM PENSAR!”

Eu era daquelas que ia ao corta-mato da escola só para faltar as aulas e, com o tempo, nem esse «estímulo» era suficiente para ir…

Nunca gostei de correr, ou melhor, até achava piada aos sprints, mas definitivamente, resistência não era comigo.

Até o aquecimento do treino de voleibol me custava.

Mas toda a gente sabe que a corrida é uma grande aliada à perda de peso e, apesar de ter começado quando já tinha perdido grande parte dos quilos que desejava, devo dizer que foi com esse objectivo que decidi fazer a minha primeira corrida.

13020231_10206320763402116_1557909151_n

O “trauma” da primeira corrida…

Foi horrível do primeiro ao último minuto…

Se alguém vos disser que adorou correr desde o início, acreditem, está a mentir. 😉

Nas primeiras vezes, nem sequer conseguia respirar direito!

Parecia que ia morrer sufocada a qualquer momento.

As minhas pernas doíam, e só conseguia pensar “No que é que eu me vim meter?”.

Mas havia sempre algo que me fazia ir correr mais uma vez.

No final, a sensação era incrível!

E, um dia, percebi que me tinha apaixonado, que a corrida tinha vindo para ficar.

13059755_10206320763322114_417626412_n

O “bichinho” da competição

Um dia decidi fazer a minha primeira corrida de competição.

Estava super nervosa.

Tinha medo de não aguentar, de ter de ser levada num daqueles carros de apoio para a meta… 😉

Mas adorei!

Há algo em correr rodeada de pessoas, que nos dá a motivação extra para darmos o nosso melhor.

E, desde aí, tornei-me um bocado mais pobre todos os meses, devido a todo o dinheiro que gasto nas provas (3 a 4 por mês) 😉

13059781_10206320763802126_1029099903_n13020279_10206320763962130_1198708239_n

Hoje em dia, corro porque gosto, porque me faz feliz.

Há quem diga que os corredores têm uma leve tendência para o masoquismo…

Não sei, talvez…

As pernas ainda doem, o coração ainda parece que vai explodir e eu ainda penso muitas vezes durante uma corrida:

Vou parar” ou “Não aguento mais” …

Mas não páro.

E isso faz-me sentir invencível, capaz de qualquer coisa.

Há algo em levar o meu corpo e mente ao limite que me faz querer mais e mais.

E, no final da corrida, já só estou a pensar na próxima! 😉

13014813_10206320763722124_1243750606_n

Devo confessar que, ao fim de um tempo, e de começar a levar isto mais a sério, fui começando a ganhar o bichinho da competição (não no mau sentido, claro) e a querer fazer sempre melhor.

A nossa maior competição é connosco próprio e fico realmente feliz quando consigo bater recordes pessoais nas variadas distâncias.

Não vejo isso como obsessão, acho que começar a controlar tempos, ritmos e altimetrias, faz parte da jornada.

Já subi, inclusive, a alguns pódios e é realmente muito bom.

Mas devo dizer que cortar a meta continua a ser a minha parte favorita.

Então quando o fizer ao fim de 42 km…

Sim, isso mesmo, deu-me um ataque de loucura momentâneo e inscrevi-me na minha primeira maratona!

Será no dia 6 de Novembro deste ano, no Porto.

13045434_10206320763522119_192762897_n

E pronto, esta é a minha história.

Quem também corre, vai entender perfeitamente do que falo.

Quem não o faz, espero que fique com vontade de experimentar.

Cuidado, é provável que se apaixonem! 😉

 

Se correres com o coração, regra geral, os pés vão atrás.

 

@dani__gregorio

10 thoughts on “#Ready, Set, Go…

  1. Sandra says:

    Fico impressionada com os testemunhos que vou lendo… jovens que conseguem superar tudo e todos! São uma inspiração!!… Nunca me preocupei pelos quilos a mais, mas agora com 36 anos percebo o quanto está a mexer comigo… Agora com 36 sofro as consequências do que deveria ter feito durante os vinte e não fiz!… Agora com 36 anos nem sei por onde começar!… E agora aos 36 anos mexeu com a minha auto estima… e agora aos 36 anos… será que ainda consigo?

    Like

    • MissFIT says:

      Olá Sandra!
      36? És uma menina! 🙂
      Desculpa esta abordagem tão directa, mas é mesmo o que penso!
      Estás mais do que a tempo! (Digo-te eu com 32 anos a caminho dos 33! Também não comecei com 20…)
      O importante é sentir essa necessidade e ganhar coragem para fazer algumas mudanças.
      Procura ajuda profissional (seja de educação física, seja de nutrição…)
      É uma segurança de que vais fazer as coisas certas e de que chegas ao teu objectivo o mais rapidamente possível.
      Força miúda! O primeiro passo está dado!
      Beijinho

      Like

      • Sandra says:

        Olá…
        Obrigada pela motivação! 🙂
        Estou pronta a tentar e por isso mesmo já marquei consulta de nutrição para a próxima 3ª feira! 🙂
        E já estou à procura de ajuda profissional para a parte física.
        Já é um começo não é? Vamos ver no que vai dar… 🙂
        beijinhos

        Like

  2. Caetana Rodrigues says:

    A Missfit é das únicas blogueres Portuguesas que sigo e portanto tenho que lhe dar os parabéns pelo excelente trabalho e dedicação que demonstra tanto no instagram como no blog.
    É de louvar no mundo em que vivemos de competição dar a conhecer outras histórias e oportunidades de outras pessoas se darem a conhecer. Vi a Mariana em Lisboa mas confesso que tive vergonha de ir falar consigo. Pensei ok tens 28 anos não és nenhuma adolescente para ires “chatear” as pessoas só porque és fã .
    Um dia quero ser igual a si.
    FÃ ASSUMIDA DA MISSFIT
    Bjs sucesso

    Like

    • MissFIT says:

      Olá Caetana!
      Vergonha de falar comigo???
      Se me viste, de certeza que percebeste o meu ar inofensivo! 🙂
      Tenho todo o gosto em conhecer as meninas do Blog ou Instagram!
      Na próxima nem hesites! Vais ver que sou super tranquila! 😉

      Quanto ao resto, muito obrigada pelas tuas palavras!
      (Até corei…)
      O Blog nasceu para partilhar experiências. E eu tenho a certeza que ele só tem a ganhar com a participação de todas!
      Um beijinho muito grande querida!
      E se não for em Lisboa, que a gente se cruze um dia no Porto!

      Like

  3. Nuno e Martim says:

    Mais importante que a tua evolução é ter o privilégio de assistir ao teu empenho e dedicação de bem perto e desde o inicío…sim é verdade…quem te viu e quem te vê!!!! Mas mais do que isso…é quem te conhece não fica mesmo nada surpreendido…de facto és e serás uma verdadeira vencedora…eis só mais uma prova disso!!!

    Like

  4. Cristina pires says:

    Olá a todas Tenho 38 anos e comecei a correr a 6 de fevereiro, ou melhor iniciei o meu plano de treino com esse objetivo. (a aplicação c25k deu-me o empurrão que eu precisava)Nunca tive grandes problemas de peso, há vários anos que faço caminhadas e tento ter uma alimentação saudável, mas no fundo sabia que não era suficiente. Não é menos verdade que nunca fui grande adepta de desporto, no tempo da escola as aulas de educação física eram um sacrifício. Mas depois dos 30 percebi que as nossas opções têm consequências e já não é assim tão fácil mantermos o que corpo com o qual nos sentimos bem. Feito este enquadramento, e sempre pensando que era impossível transformar os 5/7km de caminhada que faço habitualmente em corrida posso -vos dizer que é. Basta termos vontade e insistir nunca desistir. Nem sempre apetece ir, nem sempre nos corre bem, mas no final vale sempre a pena . (São as enforfinas).É certo que passou pouco tempo mas sinto me cada vez melhor comigo com o meu corpo e sobretudo com a minha saúde. Sinto que sou capaz de fazer o que me apetecer basta querer. De fevereiro para cá treino dia sim dia não, interiorizei que o exercício é tão importante como comer ou dormir. E até a comida dita saudável não só passa a fazer efetivamente parte da nossa ementa como a ser um prazer como a corrida. Sim a cada dia que passa gosto mais da sensação de liberdade que a corrida me dá .Espero ter sido útil, tal como foram e continuam a ser para mim os testemunhos deste e de outros blogs. Obrigada Cris

    Like

    • MissFIT says:

      Grande testemunho Cris!
      Parabéns por todas as conquistas e por essas vitórias que só mostra a mulher determinada que és!
      Não podemos encontrar desculpas.
      Todos os momentos são certos para começar, porque estamos a falar da nossa saúde, do nosso bem estar, da nossa autoestima…
      Continua com essa força!
      Um beijinho enorme!

      Like

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out /  Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out /  Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out /  Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out /  Change )

w

Connecting to %s