#GRÁVIDA E NADA PARA VESTIR – PARTE I

Partilhei com vocês, recentemente, o “drama” da roupa na gravidez.

Confesso que nunca pensei que isto seria um problema.
Sempre me imaginei a usar camisolas mais largas, túnicas, ou peças com materiais mais elásticos que se adaptassem às variações da barriga…

E nas “partes de cima” até foi tranquilo. A roupa, embora um pouco mais justa, continuava a servir e não me senti muito condicionada.

O problema estava nas “partes de baixo”…
A partir das 10 semanas de gravidez, comecei logo com dificuldade em ter calças de ganga que me servissem…
(Maldita moda das calças de cintura subida, que me “estrangulavam” a barriga mínima que já tinha…)
Fui-me safando com algumas (poucas) calças que tinha de cintura baixa e leggings.

Os vestidos mais largos foram sempre uma boa opção, mas como sabem, sou Engenheira Civil e parte do meu trabalho é feito no estaleiro e em locais pouco apropriados para saias e vestidos e, inclusive, leggings…

Precisava de calças. Urgentemente!

Erros de principiante

Tinha consciência que fazer um grande investimento em roupa, nesta fase, não era uma grande ideia…
Queria encontrar calças confortáveis e baratinhas e procurei “online”.
O Google sugeriu-me logo a Vertbaudet, que vende imensa coisa para miúdos, mas que também tem uma secção totalmente destinada a pré-mamãs.

https://www.vertbaudet.pt/

Gostei dos modelos, dos preços e encomendei logo duas… (Erro 1)
Na altura de escolher o tamanho, inocente, resolvi pedir o tamanho acima do que geralmente uso… Afinal de contas, estava grávida! (Erro 2)

Quando as peças chegaram, experimentei e estavam enormes!!!
Faziam um balão na zona da cintura, e não havia banda elástica que assentasse no meu corpo…

Atenção que a marca é boa, tem imensas promoções e soluções de roupa óptimas. Certifiquem-se é que compram o tamanho certo!

Descobri, entretanto na Vertbaudet uns acessórios muito práticos e versáteis, “salva-vida” de grávidas sem experiência como eu:
– Extensores de soutien
– Cinto extensível para calças
São boas opções para irmos adaptando a nossa roupa e não fazermos compras por impulso logo no início da gravidez.

Colecções “Maternity”

Existem várias marcas de roupa com colecções específicas pra pré-mamãs.
Recebi imensas recomendações vossas pelo Instagram, e fui espreitar quase todas!

Não comprei em todas! : )
O orçamento é limitado e resolvi dar preferência a peças com “cortes” mais largos, que sirvam tanto para esta fase, como para o pós-parto e meses seguintes.

H&M
https://www2.hm.com/pt_pt/senhora/comprar-por-produto/pre-mama.html

Nem todas as lojas físicas da H&M vendem esta colecção pré-mamã.
Em Lisboa sei que podemos encontrar na loja do Chiado e no Porto no Mar Shopping.
Fui experimentar as calças de ganga para grávida da marca, mas acabei por não comprar. O preço é convidativo, mas, para além da banda elástica na zona da barriga ser muito alta, o modelo das calças não me favorecia nada “o rabo”.
(Desculpem a sinceridade, mas jeans que me tirem formas ao glúteo, não podem fazer parte do meu guarda-roupa! 😉 )

KIABI
https://www.kiabi.pt/futura-mama-roupas-de-mulher_281658

Conhecia a loja da KIABI do Mar Shopping, no Porto, e sempre a associei a uma marca para todos, acessível, e com óptima relação preço-qualidade.
Foram daqui os meus primeiros jeans de grávida.
Confortáveis, com uma banda elástica na barriga não exageradamente grande, e a assentar perfeitamente em todas a partes do corpo! 😉

ASOS
https://www.asos.com/women/maternity/cat/?cid=5813

Apenas tem loja online, mas foi onde comprei a maior parte das coisas.
Têm peças com preços para todas as carteiras e gostei da versatilidade e diferença nos modelos.
Acabei por comprar umas calças de ganga justas, um macacão, e duas blusas!

Desta vez acertei nos tamanhos. Comprei tudo 34. O tamanho que usava antes da gravidez. As peças estão preparadas para a barriga, não é preciso comprar o número acima.
A minha última encomenda foram umas calças estilo “Mum Jeans”, mas ainda não chegaram…
Ansiosa por experimentá-las. Grávida, mas sempre vaidosa!

ZARA
https://www.zara.com/pt/pt/mulher-pre-mama-l1179.html

É mesmo verdade… ZARA.
Descobri que a ZARA, na sua loja online, tem uma secção destinada a futuras mães.
Não se trata de roupa específica para grávidas. São sugestões de peças da colecção “normal” que se adaptam a barriguinhas maiores.
É bom para percebermos como é que aquele vestido que vimos na “Blogger da Moda” do Instagram assenta num corpo com formas mais redondas!

A vantagem é que são peças que vamos puder usar depois da gravidez.
Acabei por fazer algumas compras aqui. Foram estas as minhas escolhas:

Voltei a comprar tudo em tamanho S, o mesmo que usava antes da gravidez. Apenas nas calças optei por um M, por achar que seria mais confortável para a barriga nos últimos meses.

MAHRLA
https://www.mahrlastore.com/ss19-shop

Também não é roupa específica de grávida, mas é uma marca com modelos intemporais, com um design que se adapta perfeitamente a esta fase.
Não resisti aos tecidos mais coloridos para uma gravidez de verão.
E ainda sem saber se o bebé seria menina ou menino, acabei por escolher uma peça azul e outra coral 😉

Com três pares de jeans para grávida e umas calças mais fluidas, acho que às 23 semanas de gravidez, dou por concluídas as minhas compras.

Estamos em Maio, estão a chegar os dias mais quentes, e algo me diz que a partir de agora os vestidos e túnicas mais largas vão ser os meus melhores amigos.
Para além das peças que já comprei, tenho vários modelos “antigos” que vão servir perfeitamente nesta fase.

Agora que sei que vem aí uma menina, vou dedicar uma “boa fatia” do orçamento familiar nas roupinhas de bebé! : )
Já avisei o pai. Está provado que casais com meninas gastam mais, cerca de 30% em roupa, do que pais de meninos…

Mas não dá para resistir…
Os vestidos, as saias, as blusinhas… É uma perdição constante.
Gostavam que partilhasse algumas das peças do “closet” da Alice?

Um grande beijinho,
Mariana – @missfit.insta

Deixar uma resposta