#EQUILIBRAR A ROTINA

Equilíbrio…

Uma palavra tão usada recentemente, mas com uma “carga” tão intensa, que nem sempre é simples de encontrar.

A 1ª vez que abordei este tema foi em 2016 no Post: #MUDAR O CHIP

Nessa altura a “Miss” estava no seu “auge”: Tonificada, com elevada Massa Muscular e pouquíssima Massa Gorda.

IMG-2397

A todos os que nessa altura  me diziam que eu treinava muito, e que isso me podia fazer mal, eu respondia:

“Achas? Estou óptima! Nunca estiva tão bem!

Sinto-me cheia de energia e adoro o que vejo ao espelho!”

O meu corpo não achava o mesmo e, perfeito como é, começou a dar sinais.

#Exercício VS Saúde

A ausência de menstruação é o primeiro sinal de que alguma coisa não está bem.

“Camuflada” pela toma da pílula, não me apercebi logo o que estava a acontecer. Só após uma pausa intencional da pílula e mais de 6 meses sem menstruar, é que tomei consciência de que algo não estava bem e consultei a minha ginecologista.

Fiz todos os exames possíveis: ecografias, análises ao sangue, testes hormonais…

Tudo OK!

A médica já me tinha avisado que a causa do problema devia ser “Exercício em Excesso”, mas eu não queria entender a mensagem…

“Exercício em excesso? Como é que isso podia ser?

Toda a gente sabe que fazer exercício é saudável…”

É. Na medida certa. Tudo em exagero é prejudicial à nossa saúde. Seja exercício, dietas demasiado restritas e controladas, ou outro tipo de rotinas que nos façam “reféns”.

Sempre tive uma alimentação equilibrada. Gostava de comer “bem”, mas também me permitia a “cometer pecados”.

No exercício é que era muito exagerada… Tinha de treinar todos os dias. Quase sempre duas vezes por dia! Cheguei a fazer treinos de 4 horas diárias ! (Um disparate!)

Mas naquela altura, abrandar foi um castigo…

Consegui, devagarinho, reduzir as horas de treino, aumentar a % de massa gorda (que descobri ser importante para a saúde das mulheres) e sentir-me bem assim.

IMG-2395.jpg

#2016-2018

Já se passaram 2 anos e eu ainda não estabilizei completamente.

O período voltou, mas de forma irregular…

Os treinos mais intensos de preparação para a maratona em que participei em 2017 não ajudaram, o stress da mudança de casa no Porto no final desse ano também não…

2018 trouxe-me uma mudança, inesperada, de vida!

Mudei-me de “armas e bagagens” do Porto para Lisboa, após 5 meses de muitas indefinições profissionais.

Os treinos abrandaram imenso! (Até demais, para o meu gosto!)

Hoje em dia, se treinar 4 vezes por semana, é porque a semana correu muito bem!

IMG-5881

Deixei as corridas em “stand by” e a vontade de voltar a cruzar a meta dos uma maratona foi adiada para 2019 ou 2020. 

Sou uma mulher de emoções!

Sei que este reboliço de emoções, expectativas e ansiedades da mudança não me ajudaram a estabilizar.

Preciso de me acalmar, de descansar mais, de deixar de lado alguns projetos e pensar mais em mim.

Acredito que 2019 vai ser esse ano!

Equilíbrio no treino, equilíbrio no trabalho e, sobretudo, equilíbrio na saúde!

Espero que o destino seja “meiguinho” e me “poupe” às emoções fortes nos próximos tempos!

Parece que as minhas hormonas são muito sensíveis e eu quero mesmo fazer as pazes com elas! 🙂

[ Acredito que muitas de vocês estejam a passar pelo mesmo, porque é uma situação muito comum da qual não se fala com a devida abertura…

Ouçam o vosso corpo, procurem ajuda médica e não tenham medo de alterar rotinas, se o objectivo for o mais nobre de todos: Vocês! ]

Um grande beijinho,

@missfit.insta – Mariana

10 thoughts on “#EQUILIBRAR A ROTINA

    • missfitteam says:

      Obrigada querida.
      Infelizmente é uma situação muito corrente,
      Somos imensas a passar pelo mesmo, mas, ou não ligamos muito, ou não nos sentimos bem a partilhar.
      Um beijinho grande
      Mariana

    • Sandra says:

      É tão isso…andamos camufladas pela toma da pílula…hormonas em piloto automático…tb decidi parar e ainda não mto regular mas sinto mais o meu corpo e o meu humor…estou a reaprender a lidar c as hormonas 😘😘

      • missfitteam says:

        Olá querida.
        É verdade. Muitas vezes não ouvimos os sinais (e nem queremos ouvir…)
        Demorei a aceitar que alguma coisa não estava bem. Mas finalmente assumi.
        Um grande beijinho,
        Mariana

  1. Cheila Sousa says:

    Miss, até ao início deste ano era completamente sedentária e comia muito mal. Consultei nutricionista e comecei a comer em condições. Inscrevi-me no ginásio e passei do 8 ao 80 sem qualquer orientação Queria ir todos os dias, fazer aulas, abdominais, passadeira, elíptica e todo e qualquer exercício que eu achava que conseguia fazer sozinha e sem supervisão. Aconteceu-me exatamente o mesmo com a menstruação Também percebi que estava a querer por a carroça à frente dos bois e que algo não estava certo. Agora treino de acordo com um plano específico e feito de acordo com as minhas necessidades e objectivos e continuo a seguir o meu plano. Até agora perdi 12kg. Se gostava de os ter perdido mais rápido? Gostava! Se já me sinto bem comigo própria? Ainda não. Ainda quero mais. Mas já não tenho pressa. Fico orgulhosa do que consegui até agora. Quanto a ti, és linda, estás fantástica e com um ar feliz! És uma inspiração. Obrigada. Beijinhos 😘

    • missfitteam says:

      Olá minha querida.
      Obrigada pelo teu testemunho.
      A tua história só me mostra que és uma miúda determinada e cheia de força.
      E com a cabeça no sítio, para perceber que as coisas não estavam bem.
      Tenho a certeza que vais conseguir chegar ao peso que queres e te faz bem, de forma saudável e ponderada.
      Força!
      Um grande beijinho,
      Mariana

Deixar uma resposta